quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Trecho de "Marley e Eu"


Para um cão, você não precisa de carrões, de
grandes casas ou roupas de marca. Símbolos 
de status não significam nada para ele. Um 
graveto já está ótimo. Um cachorro não se 
importa se você é rico ou pobre, inteligente ou 
idiota, esperto ou burro. Um cão não julga os 
outros por sua cor, credo ou classe, mas 
por quem são por dentro. Dê seu coração a 
ele, e ele lhe dará o dele. É realmente muito 
simples, mas, mesmo assim, nós humanos, tão 
mais sábios e sofisticados, sempre tivemos 
problemas para descobrir o que realmente 
importa. De quantas pessoas você pode falar 
isso? Quantas pessoas fazem você se sentir 
raro, puro e especial? Quantas pessoas fazem
você se sentir extraordinário?

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Anti-Sonho

Tava navegando aqui na net, quando descobri este texto lindo, pena que não sei quem o escreveu. Resolvi postar.


"Quando eu vim não sabia o que eu ia achar. Não sabia o que continuaria ou não em mim. Tudo era segredo. Tudo era às escondidas. Nem mesmo a minha lua interior se mostrava por inteira. Eu era estrangeiro na minha terra. Eu era prisioneiro do mundo que sonhei. E o sonho não veio da forma que imaginei. Tudo ficou pelo avesso. Tudo ficou pela metade. 

O sabor das coisas amargou. A cor do amanhã desbotou. O destino mudou. Até a esperança tem outro corpo, outro cheiro. Nada mais é como era antes. O céu, o chão, tudo se modificou. Até o meu papel na vida ganhou outra conotação. Houve inversão de valores, de pesos e de sentimentos. Hoje caminho na contramão da minha fantasia, sendo quem eu nunca quis ser. Fugi, fugi, fugi até não ter mais saída. 

Fui encurralado, açoitado, castigado. Cheguei ao cúmulo de ser esquecido pelo meu próprio passado. O desespero mora ao lado. O que eu mais queria era um copo de ilusão, um trago de alucinação. A realidade me fere em todos os sentidos. Minha voz não é a minha voz, meus olhos não são meus olhos, meu desejo não é meu desejo. Eu não sou mais quem almejo."

terça-feira, 15 de novembro de 2011

domingo, 13 de novembro de 2011

Até amanhã

É bom deitar a cabeça no travesseiro sem saber o dia de amanhã. Gosto da sensação de ansiedade que isso proporciona e cada um sabe o que é isso.
O futuro é insondável e todos colhem amanhã o que se planta hoje, é clichê, mas é verdade.
Será que teria graça saber o que vai acontecer comigo amanhã? Qual o sabor do inesperado? Qual o amargo dos riscos? E a doçura de viver? Gosto do que está por vir.
E se não for bom? Será. Sempre será. Você aprenderá mais.
"Dias idílicos estão por vir". Carpe Diem!
O desconhecido sempre nos deixa com um pé atrás, mas vem carregado de virtudes que nos deixam preparados pra tudo. Nos deixam fortes.
Se vou gostar de amanhã? Vou. Vou sim. Sei que o inesperado me espera e o desconhecido quer que eu o desvende mais uma vez.
Até amanhã, quem sabe não te encontro e desvendo o futuro junto com você?

Aprendi...

Aprendi que eu não posso exigir o amor de ninguém. 
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim e Ter paciência, para que a vida faça o resto.
Aprendi que não importa o quanto certas coisas sejam importantes para mim, tem gente que não dá a mínima e eu jamais conseguirei convencê-las.
Aprendi que posso passar anos construindo uma verdade e destruí-la em apenas alguns segundos.
Que posso usar o meu charme por apenas 15 minutos, depois disso, preciso saber do que estou falando.
Eu aprendi...Que posso fazer algo em um minuto e ter que responder por isso o resto da vida.
Que por mais que se corte uma pão em fatias, esse pão continua tendo duas faces, e o mesmo vale para tudo o que cortamos em nosso caminho.
Aprendi... Que vai demorar muito para me transformar na pessoa que quero ser, e devo ter paciência.
Mas, aprendi também que posso ir além dos limites que eu próprio coloquei.
Aprendi que preciso escolher entre controlar meus pensamentos ou ser controlado por eles.
Que os heróis são pessoas que fazem o que acham que devem fazer naquele momento, independentemente do medo que sente.
Aprendi que perdoar exige muita prática.
Que há muita gente que gosta de mim, mas não consegue expressar isso.
Aprendi... Que nos momentos mais difíceis, a ajuda veio justamente daquela pessoa que eu achava que iria tentar piorar as coisas.
Aprendi que posso ficar furioso, tenho o direito de me irritar, mas não tenho o direito de ser cruel.
Que jamais posso dizer a uma criança que seus sonhos são impossíveis, pois seria uma tragédia para o mundo se eu conseguisse convencê-la disso.
Eu aprendi que meu melhor amigo vai me machucar de vez em quando, e que eu tenho que me acostumar com isso.
Que não é o bastante ser perdoado pelos outros, eu preciso me perdoar primeiro.
Aprendi que, não importa o quanto meu coração esteja sofrendo, o mundo não vai parar por causa disso.
Eu aprendi... Que as circunstâncias de minha infância são responsáveis pelo que eu sou, mas não pelas escolhas que eu faço quando adulto;
Aprendi que numa briga preciso escolher de que lado eu estou, mesmo quando não quero me envolver.
Que, quando duas pessoas discutem, não significa que elas se odeiem; e quando duas pessoas não discutem não significa que elas se amem.
Aprendi que por mais que eu queira proteger os meus filhos, eles vão se machucar e eu também. Isso faz parte da vida.
Aprendi que a minha existência pode mudar para sempre, em poucas horas, por causa de gente que eu nunca vi antes.
Aprendi também que diplomas na parede não me fazem mais respeitável ou mais sábio.
Aprendi que as palavras de amor perdem o sentido, quando usadas sem critério.
E que amigos não são apenas para guardar no fundo do peito, mas para mostrar que são amigos.
Aprendi que certas pessoas vão embora da nossa vida de qualquer maneira, mesmo que desejemos retê-las para sempre.
Aprendi, afinal, que é difícil traçar uma linha entre ser gentil, não ferir as pessoas, e saber lutar pelas coisas em que acredito.

William Shakespeare

domingo, 21 de agosto de 2011

"Há metafísica bastante em não pensar em nada"

Pense que você poderia fazer mais. Mais por aquela pessoa indescritível, que te ama, que está sempre ao seu lado tornando indiferente os momentos, sejam eles bons, ruins, angustiantes, vitoriosos...
Pense também que você poderia fazer mais por aquele sonho, aquele que você pensou em deixar pra trás num momento de descrença. Não desacredite no seu potencial, ele é mais forte que a sua própria força de vontade.
Uma vez decepcionado, duas vezes mais esperançoso.
Confiante, otimista.
Se Deus tem parcela nisso? Não.
Ele tem total participação na sua vitória.
Pense que você poderia fazer mais por você.
Se a vida é uma escola, porque não ensinar?
A efemeridade da vida é tamanha pra só aprender.
Mostre o que você tem de melhor, o que você sabe de melhor.
Pense que em algum lugar existe alguém no qual o mundo desse alguém é o seu mundo. É simplesmente você.
Sempre terá alguém esperando por você.
Não seja impermeável aos afetos. Não tenha medo do amor. Amar é sofrer, pior é não amar.
Usufrua dos seus argumentos mais profundos e faça com que tudo ao seu redor seja mais simples.
Consiga desarmar. Pense e faça mais.
Pois, como já disse Fernando Pessoa: "Há metafísica bastante em não pensar em nada".

domingo, 24 de julho de 2011

Ser diferente é ser igual!

Se todos fôssemos iguais, não faria sentido pensarmos tão diferente.
É assim na vida, é assim no amor.
Aquele que ama aprende a conviver com as diferenças, respeita o seu jeito e não importa a intensidade desse seu jeito: ele te ama pelo ver e pelo ser.
Amar é compreender até os motivos mais fúteis, é saber se comunicar com o olhar.
É saber e conseguir esperar para que tudo aconteça no seu devido tempo. Quem ama tudo suporta.
É saber escutar e falar. Aprender e ensinar.
Amar é querer bem, oferecer o ombro para chorar e acalmar nas piores aflições.
É dar palavras amigas... Medir palavras amigas.
É ter o contato constante, acalentar com um abraço.
É sentir o amor pelo toque, o simples toque nas mãos ou um afago dizendo: eu te amo!
Amar é crer no próprio amor e saber que o amor cura qualquer enfermidade.
É na profundidade do silêncio, sentir como é bom estar ao lado de quem ama.
É curtir a companhia e ser feliz sem medo de ser feliz.
É cultivar a cada dia esse amor, pois uma vez morto, jamais ressuscitado.
É saber se unir e juntos enfrentar barreiras e obstáculos, afinal, para um verdadeiro amor nenhum obstáculo é fatal.
Agir mais e falar menos.
Amar é encontrar em outra pessoa, o próprio  amor de Deus e saber que esse dom é perfeito.
Não há dom mais bonito. Não há sentimento mais puro, singelo... e sem imperfeições se não o amor!

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Segundo a Teoria da Relatividade,

tempo e espaço são relativos e estão profundamente entrelaçados, palavras do genioso Albert Enstein. A Teoria explica que quando você está parado o tempo passa mais rápido e quando você está em movimento, o tempo passa mais lentamente. Isso tudo parece muito complexo, mas, paremos para entender.
Isso se aplica a várias situações e momentos do nosso cotidiano.
É assim quando você está ao lado da pessoa que ama, pode admitir: o tempo passa, sim, mais rápido! Daí, o velho dito popular "tudo que é bom dura pouco".
Até mesmo para aqueles netviciados, passar uma hora no twitter passa voando como um minuto!
Para aqueles que gostam de ler um bom livro, como eu, o tempo passa num piscar de olhos.
Agora, revertamos as situações: e quando você tá naquela aula super chata de físico-química? Cinco minutos de aula parecem a maior eternidade possível!
Super chato: #fato!
Mas essa teoria melhor se aplica a quando estamos em ótimos momentos, sendo felizes ao lado da família, namorado, amigos, ouvindo música, lendo um livro.
Tudo passa tão devagar quando você tá numa ansiedade inquietante, um frio na barriga à espera de uma coisa muito muito boa! E passa tão rápido quando esse momento chega.
Bom, está mais do que comprovada a Teoria da Relatividade.
Será que em relação à teoria, podemos dizer que o amor também é relativo?

sábado, 26 de março de 2011

Se você está triste...

...não se importe com nada que te falem. Jesus te ama, e Nele, nada te atingirá. Quantas vezes "achamos" que estamos bem e parece que tudo vira de cabeça pra baixo? Acham que nos conhecem tanto que se sentem no direito de dizer quem somos. Nem nós mesmos sabemos que somos. Estamos a caminho da descoberta, de novas experiências, novos horizontes e oportunidades. Quantas vezes a saudade não bate? E quantas vezes essa mesma saudade doi tanto a ponto de te fazer chorar? A saudade é só uma das provas de superação que teremos de passar, conforme-se: isso é o de menos!
Nunca duvide da sua capacidade. Mostre que é capaz e que sabe fazer a diferença. "Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena acreditar nos sonhos que se tem, ou que os seus planos nunca vão dar certo, ou que você nunca vai ser alguém."
Deus tem um propósito enorme pra você! Acredite no amor e veja que tudo pode valer a pena quando se ama. Não faça pensando em ser retribuído, muitas são as vezes em que a vida nos tem grandes reservas. Faça o que tiver vontade e seja muito feliz, afinal: você merece!

Desejo um ótimo fim de semana a todos! :)

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

O Filme da vida

É tão difícil encontrar-mos pessoas que dão o real valor ao sentido da vida hoje. Somos envolvidos por um mundo cheio de diferenças, desavenças, alguns com alegria, outros tristeza de viver.
O modo como vivemos, aproveitamos uma oportunidade, parte de cada um de nós, mas também cabe a nós aprendermos a lidar com as coisas que nos são impostas, pensando mais e agindo com cautela.
Não podemos deixar de pensar nas nossas palavras, na conseqüência de dizê-las, pois um erro pode ser fatal para uma pessoa. E depois não da pra voltar ao passado.
Problemas vão surgindo ao longo da nossa caminhada, pessoas também vão aparecendo, sem esquecer das coisas boas, das coisas que nos interessam, dos sonhos, das conquistas, e simplesmente das coisas que não voltam atrás mas devem ser lembradas.
A vida imita um vídeo: Podemos voltar e lembrarmos do passado sem conseguir mudá-lo. Podemos dar um “play” e seguirmos com o nosso presente. A única diferença é que não podemos adiantar para ver o que nos aguarda no final. Mas tudo é conseqüência dos nossos atos.

Fernando Andrade


Eu simplesmente AMEI esse texto. É sempre bom admirar tudo que se configura em arte. Gosto muito, muito dos textos dele; é ainda um autor desconhecido, sim... mas só por enquanto. Espero que tenham gostado!

sábado, 22 de janeiro de 2011

Só R$ 25,00 ...

Um homem chegou em casa tarde do trabalho, cansado e irritado encontrou o seu filho de 5 anos esperando por ele na porta.
Pai, posso fazer-lhe uma pergunta?
O que é? Respondeu o homem.
Pai, quanto você ganha em uma hora?
Isso não é da sua conta. Porque você esta perguntando uma coisa dessas?
O homem disse agressivo.
Eu só quero saber. Por favor, me diga quanto você ganha em uma hora?
"Se você quer saber, eu ganho R$ 50 por hora."
Ah…" o menino respondeu, com sua cabeça para baixo.
Pai, pode me emprestar R$ 25,00??
O pai estava furioso, "Essa é a única razão pela qual você me perguntou isso? Pensa que é assim que você pode conseguir algum dinheiro para comprar um brinquedo ou algum outro disparate? Vá direto para o seu quarto e vá para a cama. Pense sobre o quanto você está sendo egoísta. Eu não trabalho duramente todos os dias para tais infantilidades…?
O menino foi calado para o seu quarto e fechou a porta.
O homem sentou e começou a ficar ainda mais nervoso sobre as questões do menino. Como ele ousa fazer essas perguntas só para ganhar algum dinheiro?
Após cerca de uma hora, o homem tinha se acalmado e começou a pensar:
Talvez houvesse algo que ele realmente precisava comprar com esses R$ 25,00 e ele realmente não pedia dinheiro com muita freqüência. O homem foi para a porta do quarto do menino e abriu a porta.
Você está dormindo, meu filho? " Ele perguntou.
Não pai, estou acordado?, respondeu o rapaz ..
Eu estive pensando, talvez eu tenha sido muito duro com você à pouco?, afirmou o homem. "Tive um longo dia e acabei descarregando em você. Aqui estão os R$ 25 que você me pediu. "
O menino se levantou sorrindo. "Oh, obrigado pai!"gritou. Então, chegando em seu travesseiro ele puxou alguns trocados amassados.
O homem viu que o menino já tinha algum dinheiro, e começou a se enfurecer novamente.
O menino lentamente contou o seu dinheiro , em seguida olhou para seu pai..
Por que você quer mais dinheiro se você já tinha? Gruniu o pai.
Porque eu não tinha o suficiente, mas agora eu tenho", respondeu o menino.
" Papai, eu tenho R$ 50 agora. Posso comprar uma hora do seu tempo? Por favor, chegue mais cedo amanhã em casa. Eu gostaria de jantar com você."
O pai foi destroçado. Ele colocou seus braços em torno de seu filho, e pediu o seu perdão…….
É apenas uma pequena lembrança a todos vocês que trabalham arduamente na vida. Não devemos deixar escorregar através dos nossos dedos o tempo sem ter passado algum desse tempo com aqueles que realmente importam para nós, os que estão perto de nossos corações. Não se esqueça de compartilhar esses R$ 50 no valor do seu tempo com alguém que você gosta/ama.
Se morrermos amanhã, a empresa para a qual estamos trabalhando, poderá facilmente substituir-nos em uma questão de horas. Mas a família e amigos que deixamos para trás irão sentir essa perda para o resto de suas  vidas…


créditos: http://lucioantoniolo.wordpress.com/

sábado, 8 de janeiro de 2011

Feliz 2011 !


E é com um dos maiores clássicos do rei Roberto Carlos, que desejo a vocês um ótimo 2011 e muita, muita prosperidade, afinal, não é todos que tem o privilégio de poder viver mais um ano com saúde e muuuita felicidade! Feliz ano novo, galera !

É preciso saber viver

Quem espera que a vida
Seja feita de ilusão
Pode até ficar maluco
Ou morrer na solidão
É preciso ter cuidado
Pra mais tarde não sofrer
É preciso saber viver

Toda pedra no caminho
Você deve retirar
Numa flor que tem espinhos
Você pode se arranhar
Se o bem e o mal existem
Você pode escolher
É preciso saber viver

É preciso saber viver
É preciso saber viver
É preciso saber viver
Saber viver

Toda pedra no caminho
Você deve retirar
Numa flor que tem espinhos
Você pode se arranhar
Se o bem e o mal existem
Você pode escolher
É preciso saber viver

É preciso saber viver
É preciso saber viver
É preciso saber viver
Saber viver
Saber viver